Regresso às vitórias
A Granja regressou às vitórias neste Domingo, ao bater o lanterna vermelha Jaca por 7-3, no jogo da sexta jornada do Campeonato Nacional da 2ª Divisão.
A partida disputou-se quase sempre em toada morna de ambas as partes, onde algum cansaço e falta de criatividade se fizeram sentir.

A equipa da Maia entrou melhor, e Jota inaugurou o marcador em remate bem colocado e que serviu de mote para um tímido domínio que impuseram durante a primeira metade. As oportunidades de golo escasseavam e só volvidos seis minutos é que a emoção voltou por breves momentos à partida, com Pedro Andrade a desperdiçar um contra-ataque que o colocou sozinho em frente a Joca. Mas o segundo golo da Granja acabava por aparecer pouco mais tarde, por Pincha, que festejou de forma muito emotiva, seguramente celebrando o seu regresso aos golos, após meses de paragem devido a uma grave lesão.
O intervalo chegou e apesar do muito público que estava na bancada, o jogo estava a precisar de emoção de mais entrega dos jogadores na busca do golo.
No reatar do jogo, Jota voltou a surpreender e após uma recuperação de bola, galgou para a baliza e rematou certeiro para o 3-0. Mas o Jaca  estava diferente e soube aproveitar alguma descontracção ou relaxamento dos pupilos de Miguel Mota, marcando logo de seguida num golo de belo efeito de Artur, que recebe de primeira a bola lançada do seu guarda-redes, fuzilando as redes da Granja, num remate á meia volta. Capitalizando esse momento, a turma de Gaia, voltou a marcar volvido um minuto por António e acreditou que seria possível voltar a discutir o resultado, obrigando logo de seguida Ruben a uma monumental defesa. Mas o empate acabaria por surgir, com uma perda de bola, que lançou o Jaca no contra-ataque concluído com Artur com um forte remate que ainda bate no poste antes de entrar.
A Granja passou por momentos difíceis, perante um Jaca que crescia no jogo e enviava nova bola ao poste, mas desta feita sem golo. Miguel Mota ia rodando os seus jogadores e acabou por ser o veterano Frias, a liderar a equipa à vitória, ao bisar em menos de três minutos, pondo assim a equipa a vencer por 5-3,
Com o desnivel no marcador o técnico do Jaca optou pelo guarda-redes avançado, mas sem sucesso, uma vez que foi a Granja que voltou a marcar primeiro por Sérgio Costa e depois por Pedro Andrade que selava o resultado em 7-3.
A Granja voltou assim às vitórias em dia de aniversário do pivot Frias, que teve presente duplo com os dois golos que apontou e pela conquista de mais três pontos na luta pelos primeiros lugares.

FICHA DE JOGO
Jogo: AM Granja Vs Jaca FC
Competição: Campeonato Nacional da 2.ª Divisão Série “B” – 6.ª Jornada
Local: Pavilhão Municipal de Corim – Águas Santas – Maia.
Data e Hora: 30/10/2016 pelas 18h00
Resultado ao intervalo: 2-0
Resultado Final: 7-3

Arbitragem:
Primeiro Árbitro: Filipe Silva (AF Braga)
Segundo Árbitro: Abílio Bessa (AF Porto)
Cronometrista: Ricardo Monteiro (AF Porto)

AM GRANJA:
5 Inicial: Ruben (gr); Denis, Isac,  Jota e Rui Baltar.
No banco: Tiago Madureira, Pincha, Diogo Costa, Frias, Sérgio Costa e Pedro Andrade

JACA FC:
5 Inicial: Joca (gr); André Sousa; Fábio, Ivo e João Mesquita
No banco: Artur, António, Reinaldo, Carlos Almeida e Fábio

Marcha do Marcador:
1–0:
Jota (3’)
2–0: Pincha (13’)
3-0: Jota (21’)
3–1: Artur (23’)
3–2: António (24’)
3–3: Artur (26’)
4–3: Frias (33’)
5–3; Frias (36’)
6-3: Sérgio Costa (38’)
7-3: Pedro Andrade (39’)

Futsal Porto Distrital

Copyright © 2016. All Rights Reserved.