Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Muitas alterações classificativas
Na décima quarta jornada começa a verificar-se um cada vez maior equilíbrio de resultados o que levou a algumas mudanças no fim, no meio e no topo da tabela.

A abrir esta jornada o Arsenal Clube Parada recebeu e venceu (3-1) a ASS “O Amanhã da Criança”. Um jogo entre formações do meio da tabela, equilibrado, bem disputado e onde a maior eficácia da equipa da casa lhes garantiu os três pontos e um lugar a mais na tabela, ultrapassando o seu “adversário direto” o FC. S. Romão. Para a ASS “O Amanhã da Criança” tudo se mantém.
O FC S. Romão esperava uma difícil deslocação ao classificado classificado. Em S. Romão do Coronado, acabamos por assistir a um jogo muito mais equilibrado e disputado do que esperávamos. Uma equipa da casa a aproveitar bem o fator casa, a procurar sempre a baliza adversária obrigou um CD Aves a ter que se esforçar e estar sempre muito atento e concentrado defensivamente para conseguir uma vitória por 4-6, muito abaixo das goleadas a que nos habituaram. Ainda assim, a formação de Vila das Aves aproveita a não realização do jogo do primeiro classificado para, devido ao critério dos golos marcados, subir novamente ao primeiro posto que tinha segurado até à ultima jornada da primeira volta. O FC S. Romão é ultrapassado e desce um lugar na tabela.
O jogo da jornada, opunha quarto e quinto classificados, separados apenas por dois pontos, a equipa da casa Gondomar Futsal Clube pretendia afastar-se do seu adversário direto e manter-se colada ao grupo da frente, mantendo vivas as esperanças de uma qualificação.
A formação visitante, Juventus da Triana FC pretendia ultrapassar o seu adversário direto e manter distâncias para os líderes em vésperas de receção ao primeiro classificado. Um jogo equilibradíssimo com duas equipas muito pressionantes apresentaram-nos um excelente espetáculo de futsal ofensivo. Defensivamente alguns erros fizeram com que, quer uma, quer outra equipa desperdiçassem eventuais hipóteses de vitória. Uma primeira parte a pender mais para o lado da equipa da casa, que começou a vencer desde cedo e foi segurando a vantagem.
2-1 ao intervalo obrigavam a Triana a arriscar e ir para cima do adversário. A formação forasteira assim o fez e muito bem, repondo justiça no marcador aos nove minutos da segunda parte. Após uma bola direta da equipa da casa, a defensiva rio-tintense recupera a bola e lança o seu número nove que, isolado não falha na concretização. 2-2 no marcador e o jogo continuou aberto e equilibradíssimo. Até quase ao final não mais se alterou e, numa altura em que já só se considerava o empate justo, pelo que ambas as equipas fizeram, aos vinte e um minutos de jogo, após uma recuperação de bola (a meu ver em falta), em contra-ataque de 3 para 1, o finalizam e bem a excelente jogada. 3-2 no marcador, talvez um pouco injusto devido à precedência de falta, mas que viria a ser “justiçado” por mais um erro de juízo.
Mesmo ao cair do pano, uma falta a nosso ver inexistente, origina um livre direto que é defendido de forma incompleta pelo guarda redes gondomarense, tendo o número 22 da equipa forasteira finalizado e reposto justiça no resultado ao primeiro poste. 3-3 resultado final. Mantém ambas as equipas a igual distância mas mais afastadas do seu objetivo de atingir o pódio. Apesar de matematicamente ainda ser bem possível para ambas as equipas, já nenhuma delas depende apenas de si própria e a luta pelos dois lugares de qualificação praticamente que fica aqui definida entre as três primeiras formações. Ainda assim parabéns a ambas as equipas pelo excelente espetáculo.
No final do dia, GCR Ardegães, antepenúltimo classificado, recebeu o último classificado ADR S. Pedro de Fins. Um jogo mais desequilibrado do que se esperava, acaba por permitir à equipa de S. Pedro de Fins subir dois lugares na tabela e surpreender, mostrando estar em muito melhor forma. 1-6 mostra o desequilíbrio que existiu, com a equipa da casa a nunca se conseguir verdadeiramente impor nem ser eficaz durante toda a partida. Três equipas na base, todas com seis pontos tornam cada vez mais interessante esta reta final do campeonato.
Domingo de manhã o líder C. Académico de Pedras Rubras procurava manter-se isolado mas foi impedido pela dupla de arbitragem. Numa decisão inédita e já explicada em publicação específica no nosso portal, a dupla de arbitragem recusou-se a realizar todos os três jogos dessa manhã por fraca visibilidade das linhas de marcação. Lamenta-se que, num piso instalado em Agosto de 2018, aprovado e homologado por elementos da AFPorto, as marcações de futsal sejam da cor da madeira e por isso invisíveis e, apesar das inúmeras chamadas de atenção, do clube, treinadores, diretores e de várias equipas de arbitragem que por ali passaram nos últimos meses, agora, os únicos prejudicados sejam as equipas que aqui iam jogar, neste caso CR Bougado e a equipa da casa C. Académico Pedras Rubras, que agora terão que perder horas de treino e descanso para jogarem a meio da semana.
Esperemos que a Câmara solucione rapidamente o problema. Como consequência direta deste adiamento o primeiro lugar meritoriamente conquistado há quatro jornadas perde-se devido à formação de Pedras Rubras ficar temporariamente com os mesmos pontos do CD Aves e ter menos dezasseis golos marcados neste momento. Para o Bougado nada muda nesta jornada.
Ao final do dia, derbi local, Maia FC recebe o CD José Lopes e consegue, como esperado, uma boa vitória por cinco bolas a uma. Um jogo dominado pela “equipa da casa” (ambas jogam no mesmo pavilhão) e que, com maior ou menor eficáia foi garantindo os três pontos que eram para já o mais importante.
No final da 14ª jornada, assim se encontra a tabela classificativa:
Na décima quinta jornada teremos mais seis excelentes partidas de futsal. Sábado às 15h00, ASS “O Amanhã da Criança recebe o GCR Ardegães. A formação de Águas Santas quererá tentar subir na tabela mas, os meninos de Ardegães quererão sair novamente do último posto. Será certamente um duelo muito interessante.
À mesma hora, o jogo da jornada. O atual primeiro classificado à condição, CD Aves, recebe o terceiro classificado Maia FC num “clássico” que pode definir ou reequilibrar as contas da qualificação. Em caso de vitória avense, O Maia FC ficará a nove pontos do segundo e pode vir a ficar a doze do líder, tornando muito mais complicada a luta pelo pódio. No caso de vitória maiata, as equipas ficam apenas a três pontos o que abre muitas possibilidades ao Maia de reentrar na corrida. Será certamente um grande espetáculo de futsal entre duas excelentes equipas.
Mais tarde, CD José Lopes recebe o Gondomar Futsal Clube. Duas equipas com posições e objetivos muito diferentes que lutarão com unhas e dentes pelos três pontos. O Gondomar, após os dois pontos perdidos da jornada anterior fica agora obrigado a não perder mais pontos se quiser manter viva a esperança da qualificação.
Domingo de manhã, ADR S. Pedro Fins recebe o FC S. Romão e o CR Bougado recebe o Arsenal C. Parada. Dois jogos que se esperam equilibrados e que podem vir a trazer mais mudanças e equilíbrio à metade inferior da tabela.
A fechar, o segundo jogo da jornada. C. Académico Pedras Rubras, atual segundo classificado com um jogo a menos, desloca-se à sempre difícil casa do quinto classificado Juventus da Triana FC. Aquele que foi o resultado mais magro da única equipa invicta desta série, proporcionar-nos-á certamente uma excelente partida de futsal. Veremos se teremos mais um grande equilíbrio, se o líder mostrará agora a sua verdadeira força, ou se a formação de Rio Tinto conseguirá surpreender e reduzir distâncias. Não percam este jogo!
Mais seis excelentes partidas que prometem mais uma semana de excelente futsal, emoções à flor da pele e resultados surpreendentes.
Apareçam nos pavilhões para apoiar as vossas equipas ou simplesmente para assistir a futsal de qualidade pois estes jovens atletas merecem!
Um grande obrigado a todos os treinadores que contribuíram para este comentário, desejo uma boa semana de treinos a todos e uma excelente 15ª Jornada.
Não sendo eu profissional e apenas colaborando de bom grado para este portal, queria salientar aos diversos leitores e sobretudo aos mais críticos que me limito a fazer as análises de acordo com o meu ponto de vista tendo em conta os jogos que o meu tempo me permite ver e, quando não mo permite, os comentários e descrições dos treinadores que aceitam colaborar. O meu email segue em baixo para me enviarem análises, comentários, fotos, vídeos, sobre qualquer jogo desta série. Obrigado.
Contactos: Pedro Morais
Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.  

Futsal Porto Distrital

Copyright © 2016. All Rights Reserved.